O Bosque

O Bosque é a nossa segunda casa. Segunda não, terceira. A primeira é a casa da Ana, a segunda a nossa e por fim lá vem o Bosque. Quando passamos uma semana sem lá ir perguntam-nos se fomos de férias…
É o restaurante ideal para um jantar tranquilo com amigos ou a dois. A música ambiente, a decoração moderna com os maravilhosos pormenores vintage, o conforto das cadeiras e sofás (porque é que isso é tão raro nos restaurantes?!), a última Time out sempre disponível e a simpatia do pessoal são alguns dos motivos que fazem com que me sinta em casa. O menu inclui uma quantidade imensa de chás, variedade de pratos vegetarianos (mesmo vegetarianos, sem caldos de carne e coisas do género…), sandes e tostas, tapas gostosas e pratos deliciosos. Recomendo vivamente o cremoso de bacalhau gratinado, o linguini de camarão e tomate cherry, a lasanha ou a tosta do bosque com queijo brie acompanhados por vinho branco (a copo) bem fresquinho, um jarro de sangria ou simplesmente uma limonada. As sobremesas não aparecem na lista mas a Cátia  tem-nas sempre na ponta da língua “aveludado de chocolate, cheesecake de frutos do bosque, tarte de amêndoa, tarte de maçã, ou mousse de chocolate no forno com gelado de tangerina…”. Sim, claro que já provei todas. Confesso que me é dificil escolher mas a tarte de amêndoa e a mousse de chocolate no forno são qualquer coisa!! A cereja no topo do bolo é um irish coffee para terminar o jantar. À hora do almoço têm à disposição 3 pratos do dia, um de carne, um de peixe e um vegetariano a preços muito acessíveis.
Experimentem!
Boas garfadas.
Eva

http://obosquecafetaria.blogspot.pt/

https://www.facebook.com/obosquemaia